Frente UFF

A epidemia do COVID-19 teve seu início no fim de 2019 na China e assumiu o status de pandemia em 11 de março de 2020, declarada pela OMS. No Brasil, várias cidades entraram em estágio de quarentena depois do dia 16 de março e os profissionais da linha de frente, em especial da área de saúde, vem trabalhando para o controle e atendimento dos casos.

Com o propósito de contribuir com as ações de saúde pública, o projeto Frente UFF centraliza esforços para o desenvolvimento de três produtos: as máscaras de EPI chamadas de FaceShields de baixo custo para a proteção dos profissionais; e os equipamentos para o auxílio no tratamento de problemas respiratórios em pacientes com complicações causadas pelo COVID-19, sendo eles os duplicadores para respiradores já instalados nos hospitais, que, com a devida observação e adequação médica, permitirão o uso de um mesmo respirador em dois pacientes do mesmo sexo, altura e condição clínica semelhante e um sistema para o auxílio de operação de Unidades Manuais de Respiração Artificial (AMBUs). Esse sistema auxiliará os pacientes que precisam de assistência respiratória e não podem contar com um ventilador tradicional.

A sede operacional do projeto funciona na Escola de Engenharia da UFF, com o apoio de diversos departamentos e da Reitoria. O trabalho é desenvolvido por docentes, discentes, técnicos e outros colaboradores voluntários.

Acesse o site e conheça mais sobre este projeto: https://www.frenteuff.org/

Copyright 2021 - STI - Todos os direitos reservados